DOE SANGUE      SALVE VIDAS      
  • Sintonia

UFSCar | Estudo investiga como cuidadores de idosos conciliam trabalho e família

Investigar as dificuldades, os ajustes e as estratégias que os cuidadores de idosos enfrentam e utilizam na conciliação entre o trabalho e a família. Esse é o objetivo de pesquisa de pós-doutorado realizada no Laboratório de Avaliação e Intervenção em Gerontologia (LAIG), do Departamento de Gerontologia (DGero) da UFSCar. O projeto convida voluntários para entrevista online sobre o tema.

Por Gisele Bicaletto

Fonte Portal UFSCar


Estudo analisa como cuidadores equilibram-se entre família e trabalho (Foto: Freepik)


O estudo "Efeitos da jornada de trabalho, habilidades sociais e gênero sobre o equilíbrio trabalho-família entre cuidadores de idosos" é desenvolvido por Thaís Juliana Medeiros, pesquisadora de pós-doutorado em Gerontologia, sob supervisão de Aline Gratão, docente do DGero. Medeiros aponta que a carga horária de trabalho de cuidadores formais e informais pode ser bastante exaustiva. "Muitos cuidadores têm vários empregos para complementarem a renda, enquanto os informais, responsáveis pelo cuidado familiar, frequentemente se dedicam integralmente ao idoso, necessitando abandonar o emprego e atividades de autocuidado", afirma.


Diante disso, a pesquisadora destaca que saber como os cuidadores de idosos equilibram seu tempo entre trabalho e a família é necessário para propor intervenções em prol da qualidade de vida deles que, em muitos casos, se sobrecarregam física e emocionalmente no cuidado, sobretudo quando cuidam de um familiar. Essa é, justamente, a proposta do estudo.


Para realizar a pesquisa, são convidados cuidadores e cuidadoras de idosos, formais ou informais, que estejam nessa função há pelo menos seis meses; sejam casados há pelo menos seis meses; e tenham pelo menos um filho até 18 anos. A participação será online a partir de uma entrevista com duração de cerca de 10 minutos, em dia e horário combinados conforme a disponibilidade do participante. O anonimato dos voluntários é garantido. Interessados devem entrar em contato com a pesquisadora até o dia 30 de outubro, pelo e-mail thaisjuliana84@gmail.com. Projeto aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da UFSCar (CAAE: 88157118.0.0000.5504).