• Sintonia

UFABC integrará Centro de Inteligência Artificial aplicada à saúde e agricultura

BI0S - Brazilian Institute of Data Science foi um dos seis centros aprovados na chamada pública da FAPESP, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br).


Texto Ronei Thezolin - Jornalista / Assessor de Imprensa - Secretaria Executiva de Comunicação (SEC) da Unicamp

Adaptação Assessoria de Comunicação e Imprensa da Universidade Federal do ABC (ACI UFABC).




Sediado na Unicamp, o BI0S - Brazilian Institute of Data Science foi um dos seis Centros aprovados na chamada pública da FAPESP, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br). O centro é liderado pelo professor João Marcos Romano, professor titular da Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação (FEEC) e atual Pró-Reitor de Pesquisa da Unicamp.


A UFABC integrará o Centro e atuará no desenvolvimento de novos métodos de aprendizado de máquina e de otimização, além de aplicações, sobretudo na área de saúde. Os docentes da UFABC que fazem parte do projeto são: Profa. Aline Panazio, Profa. Ana Paula Romani, Prof. André Kazuo Takahata, Prof. Cláudio José Bordin Júnior, Prof. Denis Gustavo Fantinato, Prof. Filipe Ieda Fazanaro, Prof. Harki Tanaka, Prof. Kenji Nose Filho, Prof. Murilo Bellezoni Loiola, Profa. Priscyla Simões e o Prof. Ricardo Suyama.


O Centro reunirá uma equipe interdisciplinar, com mais de 120 pesquisadores, 5 instituições acadêmicas (Fiocruz, ITA, UFABC, UFAM e USP) e 3 empresas parceiras (FITec, Hospital Israelita Albert Einstein e CPQD). A iniciativa conta com a consultoria de transformação digital TEMPLO.cc como parceira cofundadora.


Segundo o prof. Ricardo Suyama, coordenador da representação da UFABC nesta parceria, "tendo em vista o papel estratégico que a inteligência artificial (IA) já desempenha em diversas áreas (e que continuará a se expandir ao longo dos próximos anos), o BI0S é uma iniciativa importante, pois deve aproximar pesquisadores e grupos de pesquisa de ponta no Brasil e ajudará a catalisar esforços no desenvolvimento de novas técnicas e aplicações".


Conectando-se a uma rede global de cientistas e empreendedores, o BI0S buscará expandir a fronteira aplicada da IA, difundir a cultura de dados na sociedade brasileira e fomentar iniciativas, produtos e soluções inovadoras, com foco na resolução de desafios das áreas prioritárias da Saúde, Agricultura e suas interrelações.


Ao conjugar produção, difusão de conhecimento e geração de negócios, o Centro pretende ser uma ponta de lança da transformação digital no Brasil. Para tal, receberá o investimento de R$ 10 milhões no período de cinco anos, sendo R$ 5 milhões por repasses públicos e outros R$ 5 milhões por parcerias com a iniciativa privada. Há ainda a possibilidade de renovação dos contratos por mais cinco anos, totalizando o investimento de R$ 20 milhões.


UNIDADES PARTICIPANTES DA UNICAMP

  • FEEC - Faculdade de Engenharia Elétrica e de Computação

  • FCM - Faculdade de Ciências Médicas

  • FCA - Faculdade de Ciências Aplicadas

  • FEAGRI - Faculdade de Engenharia Agrícola

  • FT - Faculdade de Tecnologia

  • IC - Instituto de Computação

  • IFGW - Instituto de Física Gleb Wataghin

  • IE - Instituto de Economia

  • IMECC - Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica

  • CEPAGRI - Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura

  • CLE - Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência

  • NUDECRI - Núcleo de Desenvolvimento da Criatividade

INSTITUIÇÕES ACADÊMICAS PARCEIRAS

  • FIOCRUZ-RJ - Fundação Oswaldo Cruz

  • ITA - Instituto Tecnológico de Aeronáutica

  • UFABC - Universidade Federal do ABC

  • UFAM - Universidade Federal do Amazonas

  • USP - Universidade de São Paulo

PARCEIRO COFUNDADOR

  • TEMPLO.cc

EMPRESAS PARCEIRAS

  • FITEC - Fundação para Inovações Tecnológicas

  • Hospital Israelita Albert Einstein

  • CPQD - Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações

Para mais informações, acesse o site do BI0S - Brazilian Institute of Data Science.



0 visualização0 comentário