DOE SANGUE      SALVE VIDAS      
  • Sintonia

Professores da Udesc Cefid editam revista científica nacional sobre Covid-19

Os professores Darlan Laurício Matte e Marlus Karsten, do Centro de Ciências da Saúde e do Esporte (Cefid), da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), atuaram como editores de uma série especial da Revista Assobrafir Ciência, periódico científico da Associação Brasileira de Fisioterapia Cardiorrespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva (Assobrafir), sobre a Covid-19. Acesse a publicação

Por Assessoria de Comunicação da Udesc

Fonte Portal Udesc

Imagem Digulvação


Além de integral a comissão editorial junto com Rafael Mesquita, da Universidade Federal do Ceará (UFC), e Karina Couto Furlanetto, da Universidade Norte do Paraná (Unopar), Matte e Karsten também são coautores, cada um, de cinco dos 26 artigos da série,


A edição especial aborda a atuação da Fisioterapia Cardiorrespiratória e em Terapia Intensiva no enfrentamento da Covid-19 e foi produzida, de acordo com a associação, "em respeito ao delicado momento vivido pela sociedade e com intuito de colaborar nesse período de muitas incertezas".


"Estimulando e facilitando o aprimoramento do conhecimento nas especialidades, cumprimos nosso papel científico e social", afirmam os editores.


Protagonismo


Para Matte, a publicação denota o protagonismo da Assobrafir. "É um trabalho realizado com muita dedicação e empenho do comitê criado pela associação para combate à Covid-19, parabéns a todos os envolvidos", afirma.


Karsten classificou o resultado como excelente e também destacou a atuação do comitê e o "belo trabalho em equipe" realizado por autores, revisores e editores.


Comitê nacional


Desde abril, Karsten e Matte integram o comitê criado pela Assobrafir, com 13 integrantes de dez estados, para auxiliar no combate à pandemia do novo coronavírus. O grupo é coordenado por Karsten, que é diretor científico da associação.    


O principal objetivo do comitê é assessorar a executiva nacional da entidade nas ações relativas à pandemia, incluindo o monitoramento ampliado de informações a respeito da Covid-19 (especialmente as relacionadas à atuação fisioterapêutica), e a organização de posicionamentos e informativos oficiais da Assobrafir, além da revisão dos documentos publicados e da representação da associação.